Dicas

Carro parado: o que fazer para evitar danos?

Dunlop dá dicas sobre os cuidados que o motorista deve ter antes de deixar o carro parado por muito tempo

Com a recomendação das autoridades de saúde para que as pessoas fiquem em casa, surge um dilema: Quais os cuidados que eu devo tomar antes de deixar o meu carro parado na garagem? Para ajudar, a Dunlop dá dicas do que os proprietários podem fazer para cuidar bem dos veículos, antes de deixá-los estacionados.

O primeiro ponto importante a ser analisado é por quantos dias consecutivos o carro ficará parado. Especialistas indicam que o carro poderá ter algum dano mais complexo se ficar mais de 15 dias parado. No entanto, alguns cuidados podem ser fundamentais para evitar eventuais desgastes.

Pneus: em relação aos pneus, é importante calibrar os pneus com a pressão máxima que consta no manual do veículo. Pneus com uma pressão baixa e parados por muito tempo em uma mesma posição podem esvaziar e deformar com o tempo.

Limpeza e Armazenamento: é importante providenciar uma boa limpeza do automóvel, por dentro e por fora. O cuidado externo ajudará a manter a pintura em bom estado. Restos de comida no interior do carro podem atrair insetos, por isso, tenha atenção.

Também é recomendado conservar o veículo em uma garagem coberta e ventilada, tendo em vista proteger a pintura e o interior do veículo da ação do sol por um longo período.

Combustível e Óleo: o combustível precisa de total atenção. Embora não seja possível afirmar com exatidão a validade do combustível, recomenda-se manter um baixo nível no tanque se for manter o carro parado por muitos dias, além de ter cuidado com o reservatório de partida a frio, conhecido como “tanquinho”. É recomendado que este seja abastecido com gasolina aditivada de boa qualidade, evitando assim a formação de resíduos que possam prejudicar o correto funcionamento do sistema.

Além do combustível, o óleo do motor também merece atenção, sendo necessário sua troca seguindo a recomendação do fabricante do veículo por tempo de validade ou por quilometragem percorrida, o que ocorrer primeiro. Por isso, é importante que sejam observadas as revisões preventivas recomendadas no manual do veículo.

Bateria: a bateria do veículo também merece cuidados especiais. Quando o carro fica imobilizado por um longo período, a bateria pode acabar descarregando devido aos componentes que ainda estão em funcionamento mesmo com o veículo parado, como por exemplo, alarmes e rastreadores, por isso, é recomendável seguir as orientações que constam no manual do veículo para longos períodos de desuso para garantir que não ocorra nenhum dano na bateria e nem no próprio veículo.

Neste momento, o recomendável é acompanhar as orientações das autoridades competentes, evitando aglomerações e se possível, ficar em casa. Ao seguir algumas destas recomendações, os donos dos veículos poderão evitar dores de cabeça com gastos desnecessários, e quanto aos veículos, estarão prontos para rodar novamente assim que este período acabar.

Sobre o autor

Magazine Automotiva

Magazine Automotiva

Comentários no Facebook

Publicidade

Curta nossa página